Friday, March 04, 2011

Viaje conosco por Timor Leste


Timor Leste é uma das nações mais jovens e está agora a abrir as suas portas para o mundo. Independente desde 2002, conserva uma herança étnica e cultural riquíssima marcada pela presença de vários povos, crenças religiosas e línguas faladas. São praticadas mais de 20 línguas em todo o país, sendo que o Tétun e o Português constituem as línguas oficiais.


Situado na Ásia, Timor Leste ocupa a parte oriental da ilha de Timor assim como o exclave de Oecussi (na costa norte da parte ocidental de Timor), a ilha de Ataúro, a norte, e o ilhéu de Jaco ao largo da ponta leste da ilha.
Palácio do Governo

Díli é a capital de Timor Leste. A cidade extende-se ao longo das planícies até às montanhas que atravessam em comprimento a ilha de Timor.
É o centro administrativo e comercial do país que ainda mantém algumas características portuguesas, como as casas alinhadas ao longo das avenidas marginais e um antigo forte português, atual Centro Cultural Uma Fukun. Merece ser visitado o Palácio do Governo, situado na marginal, uma zona comercial e de lazer propícia a longos passeios.

Uma das melhores praias de Díli é a Areia Branca. Situada numa enseada, esta praia pode ser avistada do Cabo Fatucama, local que aloja uma enorme estátua do Cristo-Rei.  

Cabo Fatucama, Praia Areia Branca (à dir.) e ilha Ataúro (ao fundo)

Ilha Ataúro
 
De Díli é ainda visível a ilha de Ataúro. Esta ilha de gente acolhedora aposta no ecoturismo, com aproveitamento energético da luz solar e de materiais naturais para a construção de alojamentos.

 Tem à disposição 6 cabanas de bambu proporcionando uma simples e agradável estadia. É também um lugar de eleição para fazer mergulho com possibilidade e visibilidade de exploração até 40 metros de profundidade.
Maubisse
A 3 horas de viagem para sul de Díli fica Maubisse, uma antiga cidade situada na montanha. Esta região é a principal área de plantação de café do país, e de Junho a Setembro podem ser vistos os processos da sua colheita. Com vistas panorâmicas de 360° num cenário montanhoso deslumbrante, Maubisse é uma paragem obrigatória para qualquer visitante de Timor Leste.

Virgem Maria no Cume do
Monte Ramelau
A partir de Maubisse são feitas caminhas até ao Monte Ramelau, a montanha mais alta do país com 2964m de altitude. Com um grande significado religioso, esta montanha atrai muitos peregrinos que se juntam anualmente numa caminhada espiritual até ao topo, onde se encontra uma estátua da Virgem Maria.

Na Zona Este da ilha, é obrigatória uma visita ao Parque Nacional Nino Konis. Esta área protegida consegue aliar uma exuberante vegetação verde com uma vida costeira e marítima riquíssima. Aqui, é possível realizar várias atividades como observação de aves, mergulho, caminhada e visitar locais arqueológicos pré-históricos.

Parque Nacional Nino Konis, Ilhéu de Jaco
Integrado neste parque está o ilhéu de Jaco, situado no ponto mais oriental da ilha de Timor. Este ilheu é considerado pelos nativos como um local sagrado razão pela qual não é habitado. Dotado de grande beleza natural, é também o habitat de várias aves endémicas.  

É impossível descrever tudo aquilo que Timor Leste tem para oferecer. Mas uma coisa é certa, a sua rica herança cultural, as suas paisagens arrebatadoras e o seu povo acolhedor não vão deixar ninguém indiferente!
Mais informações em:



No comments: