Monday, November 10, 2014

SMS para combater o Ebola

Como isto é possível?


Tecnologia móvel em saúde



O uso comum de plataformas inovadoras de tecnologia têm cada vez mais desempenhado um papel importante para a divulgação de medidas de saúde pública para um grande público, mostrando como o investimento em saúde móvel é uma forma de melhorar saúde da população em geral de forma rápida e eficiente

Exemplo de sucesso


Mensagem SMS

Através do envio 4.000.000 mensagens de SMS para o público em geral sobre os perigos de Ebola e como preveni-la, o governo do Senegal tem conseguido aumentar a consciência sobre Ebola através de campanha de SMS. 






Durante o surto atual que ocorrem na Africa Ocidental, as pessoas que vivem nas regiões mais densas do país são surpreendidas por mensagens de alerta. Essas ações fazem parte de um conjunto de medidas adotadas pelo Ministério da Saúde juntamente com a OMS e seus parceiros para responder de forma imediata ao surto, desde de que o primeiro caso da doença do vírus Ebola foi confirmado em um jovem que teve previamente um contato direto com um paciente com o vírus Ebola na Guiné e em seguida, viajou para Dakar.

Tecnologia em saúde
Através da campanha SMS, lançada em parceria com as principais operadoras de telefonia móvel do país, as pessoas foram incentivadas a alertar as autoridades de saúde, através de chamadas gratuitas, assim que qualquer pessoa começar a apresentar sinais de febre e sangramento. 


As mensagens foram compartilhadas à frente de eventos públicos de grande escala, incluindo jogos de futebol e comícios públicos.


"Esta campanha através do SMS faz parte de um projeto nacional muito maior do Senegal para focar na conscientização, prevenção e cuidados para as pessoas com Ebola", disse Ndiaye Mbayange Niang, um líder do projeto no Ministério da Saúde, que ajudou a implementar a campanha. Outros esforços de sensibilização, disse ela, incluí anúncios de rádio, folhetos e a divulgação de mensagens em um site do governo, tais como:

  • Lave as mãos com água e sabão regularmente.
  • Evite o contato com pessoas que estão doentes, ou que morreram de Ebola.
  • Não toque ou coma carne de animais mortos ou doentes (macaco, rato, porco, carne de porco).


Colaboração entre programas de doenças


Estas mensagens, puderam ser impulsionadas graças à plataforma "mDiabetes", que foram projetadas inicialmente pela OMS para ajudar as pessoas a                                         controlar o diabetes.


O "mDiabetes" foi lançado em junho 2014, durante o mês do Ramadã, um período no qual os muçulmanos praticam o de jejum que normalmente eleva os riscos de saúde para a diabetes. Ao se registrar mDiabetes, os membros da associação diabéticos (paciente e profissionais de saúde) do Senegal podiam receber dicas de maneira gratuita, via SMS, sobre como evitar complicações desencadeadas pelo jejum e pela festa.

Medidas de controle da diabetes

"O diabetes é um problema global crescente, especialmente no mundo em desenvolvimento", disse Etienne Krug, diretor da OMS para a  Gestão de Doenças Não Transmissíveis. "Mais de 80% das mortes por diabetes ocorrem em países de baixa e média renda. Plataformas inovadoras de tecnologia como mDiabetes podem desempenhar um papel vital na divulgação de mensagens de prevenção simples para o público, tais como a importância de uma dieta saudável e exercícios físicos. "




O investimento em tecnologia móvel


O mDiabetes foi lançado como parte de uma iniciativa global "Seja Saud@vel , Seja móvel" apoiada pela OMS e pela União Internacional de Telecomunicações. 

Projetos em outros países incluem um programa para reduzir o consumo de tabaco em um programa de câncer na Zâmbia e Costa Rica.



O objetivo mais amplo de "Seja Saud@vel, Seja móvel" é ajudar todos os governos a construir uma tecnologia móvel em seus sistemas de saúde para a prevenção e gestão de doenças não-transmissíveis: diabetes, câncer, doença cardíaca e doença



No comments: