Friday, December 06, 2013

IDIOMAS - a língua portuguesa e o acordo ortográfico

Fonte da imagem
Existem mais de 7.000 línguas vivas no mundo.

51 línguas são faladas somente por uma única pessoa.

1.500 línguas são faladas por menos de mil pessoas.

Mas somente 240 línguas são faladas por 96% dos seres humanos.

Acredita-se que daqui a 100 anos restarão somente 100 línguas vivas. 24 daqui a 300 anos.
Fonte da imagem

O inglês, espanhol e chinês sobreviverão.

O português será incorporado pelo espanhol.

Atualmente, o português é a sexta lingua mais falada no mundo (Ethnologue).

Fonte da imagem


No período medieval, o português nasceu da separação do galaico-português em dois idiomas distintos (galego e português).


A sua estrutura de língua novi-latina manteve-se, mas recebeu, ao longo do seu período de formação, a contribuição de outras línguas, especialmente o árabe e as línguas germânicas.

No período renascentista, o português recebeu contribuições do grego e, principalmente do latim erudito que juntos, foram responsáveis pela variedade vocabular e pela estruturação linguística e gramatical do idioma.

Com as Grandes Navegações e as Descobertas, a língua portuguesa adotou vocábulos de diferentes origens.

Nos séculos XVIII e XIX, sofreu influência do francês.

No século XX, do inglês.

Curiosidades
A língua portuguesa tem um acervo de 500 mil palavras.
Admite-se que hoje sejam usadas 160 mil palavras na língua viva do Brasil e 140 mil palavras na língua viva em Portugal.
Uma criança usa 1.000 palavras.
Um adulto, 2.000.
Uma pessoa culta 5.000.
Uma pessoa erudita 10.000.

Reformas Ortográficas na Língua Portuguesa

Em 1911, Portugal adotou a 1ª reforma ortográfica.

Em 1931, foi aprovado o 1° Acordo Ortográfico entre Brasil e Portugal por iniciativa da Academia Brasileira de Letras e a Academia das Ciências de Lisboa.

Em 1943, foi adotada a 1ª Convenção Ortográfica entre Brasil e Portugal.

Em 1945, adotou-se a Convenção Ortográfica Lusa Brasileira, em Portugal e não no Brasil.

Em 1971, foi promulgada Lei no Brasil, reduzindo as divergências ortográficas com Portugal.

Em 1973, foi promulgada Lei em Portugal, reduzindo as divergências ortográficas com o Brasil.

Em 1975, a Academia das Ciências de Lisboa e a Academia Brasileira de Letras elaboraram novo projeto de acordo que não foi aprovado oficialmente.

Em 1986, realizou-se no Rio de Janeiro o primeiro encontro das comunidades dos países de língua portuguesa, tendo a Academia Brasileira de Letras apresentado o memorando sobre o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

Em 1990, a Academia das Ciências de Lisboa convocou novo encontro juntando uma Nota Explicativa do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, assinado por representantes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe, e estabelecendo que o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa deveria entrar em vigor em 1° de janeiro de 1994.

No dia 1º de janeiro de 2009, o Brasil se tornou o primeiro país de língua portuguesa a adotar as novas regras ortográficas do português.


No comments: