Monday, May 05, 2014

Dia da Higiene das Mãos - 5 de Maio

Boas práticas de higiene das mãos no cuidado dos pacientes protege-os das infecções nos serviços de saúde. 
Há evidência científica demonstrando que uma boa higiene das mãos  reduz o número de infecções causadas por agentes patogénicos resistentes aos antibióticos, em particular o Staphylococcus aureus.

Profissionais de saúde têm um papel importante na proteção dos pacientes das infecções difíceis de tratar. 
A higiene das mãos deve ser realizada preferencialmente com recurso a gel/antisético com base em álcool ou, no caso das mãos estiverem visivelmente sujas, através da lavagem das mãos com sabão e água.

5 momentos chave:
- Antes de tocar no paciente;
- Antes de procedimentos limpos e asséticos (por exemplo, inserção de catéteres);
- Após contato com fluidos corporais;
- Após tocar no paciente;
- Após tocar nos arredores do paciente.


O uso de antisético baseado em álcool é um fator importante para assegurar a segurança do paciente, tendo em conta que o antisético tem melhor efeito antimicrobiano que água e sabão.
Apesar de ser importante o desenvolvimento de novos antibióticos para fornecer novas alternativas terapêuticas, reenforçar a higiene das mãos também tem o potencial de fazer frente à resistência a antibióticos.

Este ano, a OMS lança a campanha “Salve Vidas: Higienize as Mãos”.

Poster da campanha
Sem ação de hoje, não há cura amanhã.” – Assegure-se de que os 5 momentos fazem parte da proteção dos seus pacientes.
Tem havido um aumento na participação de instituições e de estados membros, o que mostra que estes esforços continuam a ter prioridade e a ser apoiado em todo o mundo, especialmente quando combinados com outros objetivos importantes como combate à resistência a antibióticos e prevenção, controlo e vigilância de infeções e do uso de antibióticos.


Bibliografia:
http://www.who.int/mediacentre/news/releases/2014/hand-hygiene/en/

No comments: